Autoridade Tributária como suposto detentor de créditos

Recebi hoje uma notificação de penhora de créditos por parte dos serviços de finanças solicitada por uma empresa com a qual nunca tive qualquer tipo de relação, comercial ou outra.

Já declarei o não reconhecimento do crédito no portal da autoridade tributária, e além disso esclareci perante esses serviços que, não tenho nem nunca tive qualquer tipo de relação, comercial ou não, com aquela entidade, que possibilitasse sequer a obtenção de tais créditos reclamados por parte desta.

Não existem quaisquer garantias dadas da minha parte aquela empresa que se apresenta como suposta titular de créditos, e, as que se vierem a apresentem, alerto para o facto eminente de poderem ser forjadas ( obtidas por outros meios que não comigo) e falsificada a minha assinatura pois em nenhum momento assinei o que quer que fosse com aquela entidade, que vem agora apresentar-se como titular de créditos.

Existe portanto um indício grave de fraude, falsificação de documentos e burla para o qual alertei os serviços tributários. Volto a sublinhar que em nenhum momento tive qualquer relação com esta entidade ou assinei qualquer documento que presuma sequer, mais uma vez, a sua alegada e suposta titularidade de créditos sobre a minha pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *