Escola Secundária Dona Luísa de Gusmão

Venho por este meio queixar-me ,visto que os meus telefonemas e deslocações constantes já não servem de nada. Muito resumidamente passo a descrever o meu caso:

  • No dia 11/03/2011 dirigi-me à escola Sec. D. Luisa de Gusmão em Lisboa à secretaria a pedir o Certificado de Habilitações do 12ºano, pois havia concluído as disciplinas em falta através do Decreto Lei 357/07 No Centro das Novas Oportunidades IEFP. Fui atendida pela D.Carolina Graça dizendo que teria que comprar um impresso, dirigir o meu pedido à Directora, pagar 5€ e que o diploma demorava 10 dias úteis a estar pronto. Concluí que o meu diploma estaria pronto a tempo e horas.
  • No dia 13/03/2011 face a encontrar-me desempregada á 7 meses por motivo de falência tive uma entrevista num Hospital,pois apesar de não estarem a recrutar ninguém Oficialmente ,iriam abrir uma excepção visto ter trabalhado na área de saúde e ter sido indicada por uma pessoa influente as ditas “Cunhas”,mas que apesar de ter um curriculum muito vasto precisava de ter o certificado pois iria trabalhar para uma entidade do Estado e a srª dos Recursos Humanos cumpria sempre os requisitos exigidos.

Garanti que o Certificado estaria pronto no máximo no dia 25 ou 28 de Março.

  • No dia 14/03/2011 fui contactada pela D.Carolina da Sec. Luisa de Gusmão a dizer que o meu processo havia sido transferido para uma escola na Amadora a D.João V,e era lá que tinha que pedir o diploma.

Disse que em 2006 tinha feito a matricula na Sec.D.Luisa de Gusmão para o ensino Recorrente mas face a contratempos de trabalho não chegaria a tempo das aulas ,então pedi transferencia para uma escola mais perto do meu local de trabalho a sec.D.João V.No entanto nesse mesmo ano ganhei uma bolsa de estudo do meu Instituto de linguas e fui para Inglaterra,esquecendo o assunto.Permaneci lá 1 ano,sendo que nunca fiz nada na escola da Amadora.Apesar disso e devido á insistência da D.Carolina dirigi-me á outra escola e falei com a D.Carla da Secretaria,a qual ficou surpresa com a exigência da outra escola,pois apesar de o processo ser transferido o que transita de uma escola para a outra são cópias autenticadas e nunca o processo original que a D.carolina dizia não estar lá.Face a esse esclarecimento por parte da Escola da Amadora dirigi-me de novo á Sec.D.Luisa de Gusmão e disse isso á D.Carolina,pelo que a mesma me disse que ía falar com uma colega e me ligava depois.

  • No dia 17/03/2011 face a não ter qualquer satisfação liguei á D.Carolina da Sec.D.Luisa de Gusmão a qual mandou uma colega dizer que o meu diploma seguiria por correio.Estranhei mas nada chegou.

O tempo foi passando e cada vez que ligava  para a D.Carolina da Sec.D.Luisa de Gusmão a resposta era que tinha que aguardar que não estava esquecido,até que deixou de me atender os telefonemas dizendo uma colega que ou estava ao telefone,ou no arquivo,ou estava de folga ou estava de baixa,etc.

  • No dia 28/03/2011 liga-me a pessoa que me fez a entrevista no Hospital a dizer que não tinha palavra e que tinha incomodado pessoas influentes , que não tinha dado importância ao caso e que tinha abusado da confiança das pessoas .Que não adiantava pois tinha perdido a vaga de emprego.Fiquei tremendamente nervosa e fui para Lisboa á Sec.D.Luisa de Gusmão,estava decidida a fazer reclamação no livro.Quando lá cheguei fui atendida por outra srªa a qual me deu a velha desculpa a Carolina não está e eu não posso ajudar porque não trato da parte dos alunos.Pedi o livro de reclamações a qual se negou dizendo que a pessoa responsavel estava a chegar e era aguardar um bocado que me dava informações sobre o meu caso.Pedi para falar com a Directora pois alguém tinha que tomar conta do caso,e nada,a Directora estava ocupada e não se convoca uma reunião no próprio dia. estava Qual não é o meu espanto quando vejo ao fundo do corredor a D.Carolina a dizer que não ía outra vez para o arquivo e que estava farta deste assunto.Como andava a acabar um curso fora de Lisboa e não tinha mais tempo acabei por me ir embora sem sucesso,quer a nivel de respostas quer a nivel do livro de reclamações.
  • No dia 01/04/2011 fui a Lisboa de manhã de novo á Sec.D.Luisa de Gusmão fui atendida com ironia pela srª que se recusou a dar-me o livro de reclamações a qual me disse que a pessoa que assinava o diploma só estava depois das 13h.Voltei ás 14h30 disseram-me para esperar e ao fim de 1h30 minutos de espera aparece a Drª Ana Flor com o meu processo que outora diziam não ter analisando as minhas notas de fio a pavio referentes ao ensino secundário e perguntando quem tinha dito que só tinha que fazer aquelas disciplinas.Desconhecendo até pormenores sobre o Decreto lei 357/07 efazendo perguntas estúpidas acerca dos meus diplomas do IEFP.Para me acalmar disse que iria enviar um fax naquele dia 01/04/2011 para a Sec.D.João V a solicitar o meu registo biográfico e o despacho em como não tinha feito lá nada pois não podia assinar nada sem o comprovativo e pedindo muito para não fazer reclamação que o mais que tardasse 2ªfeira teria uma resposta.Mais Uma vez aguardei.
  • No dia 04,05e 06 fui á Amadora e passei pela escola D.João V e não tinha chegado fax nenhum.Passei-me.
  • No dia 06/04/2011 fui a Lisboa á Sec.D.Luisa de Gusmão disposta a fazer a reclamação e a não aceitar mais desculpas ,conclusão a pedido da chefe de secretaria D.Paula Carmo que não fizesse reclamação que o fax ía seguir naquele dia e naquela hora,o fax seguiu dia 06/04 ás 12h23  com data de 1/04/2011 sendo a confirmação de Ok do dia 06/04/2011 ao 12h30.E que me passava uma declaração para tentar de novo o emprego no Hospital a dizer da demora do Certificado e que realmente tinha requerido no dia 11/03/2011 mas até á data de 06/04/2011 este ainda não se encontrava pronto pois assim mostrava que tinha palavra.Caricáto mas acontece.
  • Conclusão entre esperas ,deslocações,telefonemas,burocracias,etc posso dizer-vos que o meu diploma fica pronto hoje dia 08/04/2011 ás 16h30 hora que a secretaria fecha e que a Directora pode falar comigo e me entregar.Sinto-me lesada,em tempo,$,e enganada com tantas mentiras e falsas promessas.Acho isso um escândalo e não entendo a razão de tanta ignorância e burocracia.

Wall Street Institute e o Zezé Camarinha

Os anúncios do Wall Street Institute com o Zezé Camarinha fazem todo o sentido, nada melhor do que um burlão para ilustrar na perfeição o Wall Street Institute. Uma pseudo escola de inglês que mais não faz do que colocar os alunos a ver vídeos em flash completamente ultrapassados e repetitivos.

Estive dois anos no Wall Street Institute e sei do que falo, comprei um pacote de 24 meses era raro conseguir marcar os encounters e muitas vezes quando marcava eles acabavam por desmarcar. No fim do contrato fizeram por tudo para que continuasse lá mais dois anos, como já estava farto da seca que é aquela multimédia onde fracamente não se aprende nada, não aceitei. A partir daí o tratamento do staff mudou radicalmente e depois do contrato de 24 meses acabar ainda me faltavam 2 encounters que não me deixaram fazer.
Wall Street Institute Zeze Camarinha
Conclusão depois de ter pago quase 3000 em dois anos, obrigaram-me a deixar o curso incompleto, por causa de 2 encounters. São uma vergonha, tão grande como o Zezé Camarinha.