Helder Coelho – urologista

Em Novembro de 2010 tive uma consulta ao final do dia com o médico referido. Iniciou-se com uma hora de atraso e a observação foi feita à uma luz mortiça branca de teto (sem lupa).

Tentei colocar questões concretas, mas raramente me foi permitido falar mais de 30 segundos de cada vez.

O problema concreto que coloquei não foi respondido, e a recomendação alterou-se depois de eu colocar dúvidas de senso comum/lógicas.

Foi dinheiro mal desperdiçado porque terei de recorrer a outra consulta (outro médico, claro) para a mesma questão.

Twitter Digg Delicious Stumbleupon Technorati Facebook


Deixa um comentário