Junta de Freguesia da Ajuda

Tenho 83 anos e mais de 15 anos depois de ser reformado pela Cmara Municipal d Lisboa, o presidente da Junta de Freguesia da Ajuda pediu-me para e se quisesse ir tomar conta de um balnerio pblico na mesma freguesia.

Para no estar em casa sem fazer nada disse que sim, levantava-me todos os dias s 05h30 da manh para ir para Lisboa e s regressava a casa por volta das 12h00.

O actual presidente depois de ter sado a Lei de no se poder trabalhar sendo reformado, no fez caso e continuou a pedir para que eu continua-se.

Agora cerca de uma semana alegou que eu tinha que devolver todo o dinheiro que me tinha pago e que o ms de Abril j no me pagava ou para me pagar tinha que arranjar vales de gasolina para o mesmo debitar nas contas da junta.

Junta de Freguesia da Ajuda Queixas

Paguei o passe trabalhei e agora vai-te embora porque no te devo nada.

Esta a lei deste Governo por ser presidente de junta no lhe vale deixar de pagar a quem trabalhou, ele sabia da lei eu avisei e agora faz isto, ser que pode no foi ele que me chamou para ir trabalhar foi o senhor Granadeiro, agora vou ficar sem o meu dinheiro.

Um pensamento em “Junta de Freguesia da Ajuda”

  1. Ao Senhor em causa, colaborador da Junta de Freguesia at 30 de Abril de 2011, foram pagas em devido tempo todas as quantias pecunirias a que tinha direito.Sobre este assunto nunca existiu qualquer contacto direto entre a pessoa do Preside…nte da Junta de Freguesia e o interessado. A Junta de Freguesia verificou em finais de Maro de 2011 que o Colaborador no tinha optado nos termos da lei – Estatuto de Aposentao, entre a reforma do estado ou a renumerao pelo trabalho desempenhado nesta Junta.Situao ilegal que urgia corrigir e que foi feito atravs de contactos entre o Presidente da Junta e a filha do mesmo Colaborador, dada a avanada idade do mesmo e o especial cuidado a ter ao dar esta informao.Foi desde logo a situao resolvida pelo que nos surprende o teor da queixa qual no assiste pelo exposto qualquer razo de ser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *