Viatura dos CTT Expresso

Hoje, dia 26 de Janeiro de 2010, sai às 17:25 horas para ir buscar o meu filho à escola e fiquei bloqueada para uma viatura dos CTT Expresso “conduzida por um profissional”, cuja matricula é a 36-AL-62 que chegou ao local 20 minutos depois. Saiu da Rua do Tejo, lote 3 na Póvoa de Sta Iria, localização essa em que o carro se encontrava. Disse-lhe que era inadmissível ele estar em frente ao carro, e ter ouvido a buzina a tocar e não ter vindo prontamente retirar o carro. O qual ele me respondeu que eu deveria participar, pois não lhe ia acontecer nada. Fiquei aterrada com a sua “desculpa”. Acho que este colaborador ou parceiro, no mínimo deveria ser chamado à atenção, pois para um profissional, de profissional e bem educado não tem nada. O meu filho foi o ultimo a sair da escola, esteve sozinho durante 15 minutos e eu fui olhado de forma desagradável e levei um reparo pela empregada da escola, por causa imputável a esta entidade. Tenho fotos e testemunhas que comprovam estes acontecimentos. Mas pelo vistos não adianta de nada para a policia, pois a viatura teria de o apanhar no local a bloquear o meu carro para puder tomar uma medida. Este é o pais onde vivemos e onde os “profissionais” até sabem até onde podem ir mesmo prejudicando o próximo e que ficam impunes. Uma entrega de pelo menos 20 minutos é mesmo muito tempo, não acham?
Obrigada pela vossa atenção

Twitter Digg Delicious Stumbleupon Technorati Facebook


1 Comentário para “Viatura dos CTT Expresso”

  1. Queixas diz:

    É realmente uma situação lamentável a que viveu, é triste que uma empresa como a CTT tenha nos seus quadros profissionais de tão baixa qualidade.

    Onde está o sentido de responsabilidade destes profissionais?

Deixa um comentário