Queixas Prestibel

Prestibel Não acredito

Sou vigilante e trabalho nas quatro quinas na zona de Famalicão, como não podemos trabalhar em mais empresas a não ser a que estamos agregados, não queria acreditar que uma rapariga que trabalha comigo tambem está atrabalhar para a empresa de vigilancia da Prestibel.

Ela quando me viu já não sabia o que fazer e qual o meu espanto disse para não dizer nada a ninguem pois iria me compensar da forma que todos os homens gostam, tendo respondido para ela: desculpa lá Cristina mas acho que tens companheiro e um filho que é o Miguel.

Isto é deveras lastimante, eu que queria arranjar mais algum não posso esta é mulher já pode. ORA BOLAS.

Prestibel Ordenados

Fiquei a saber no dia 29-06-2011 que a empresa Prestibel irá fazer o pagamento deste mês em duas vezes, da primeira será o mínimo básico de sobrevivência, quanto é isso?

E depois o restante nos primeiros dias do mês, isto dizem eles é derivado a (acp ou act) que lhes está a pedir muitos papeis e assim estão a ter muito trabalho e não há tempo para ordenados, ignorância a minha pois quem manda depositar 100, 200, 300 euros também manda fazer o pagamento completo.

Nunca vi tal coisa, já para não falar em horários, pois eu trabalho sempre ao fim de semana e se houver um feriado que  calhe num dia de folga a escala é mudada só para eu vir trabalhar, e mais se fiz 21 dias ganho o ordenado normal 22dias a mesma coisa e 23, 24 ganho o mesmo… isto há com cada coisa.

By: André

Prestibel

Venho por este meio fazer uma queixa da empressa de segurança privada Prestibel que se encontra efectuar serviço do SHOPPING ESPACIO  OLIVAIS-SUL.

Sou cliente há muitos anos, também fui Vigilante, e tive conhecimento que a Autoridade de condições de trabalho esteve neste local há uns messes e não fez nada (como é costume) e recentemente esteve no mesmo local obrigando a empresa (Prestibel)a mudar os horários, mas a única coisa que aconteceu foi dividir os horários com a mesma carga horária como se trabalhassem em hotelaria (14 HORAS DIÁRIAS) que é ilegal, também informo os senhores INSPECTORES que o livro de horas que os vigilantes assinam está no piso menos 1, e que paguem as horas aos vigilantes como a lei manda.

FICO À ESPERA QUE A SITUAÇÃO SE RESOLVA eu sei como a (ACT) funciona com as empresas de segurança Privada.

PORQUE SERÁ? Para que não tenha que partir para outros meios.

QUEM PROTEGE OS VIGILANTES?

By: paulo sousa