Queixas PT

PT-Comunicações é uma Fraude!!!

Eu, cliente PT nº 1116724794, venho explanar uma situação lamentável por parte da empresa PT-Comunicações.

No dia 16-05-2012, procedi ao envio de uma reclamação via fax, reclamando um valor de €12,52 que diz respeito a chamadas efectuadas fora da rede PT que foram pagas a fim de reportar uma avaria total dos serviços contratados. Foram necessários vários contactos uma vez que a equipa técnica no local não foi capaz de solucionar o problema, remetendo para uma equipa especializada.

O objectivo da reclamação enviada era ser creditado do valor gasto na tentativa de ver resolvido o problema. Todos os meses pago a totalidade da mensalidade, desta forma faz sentido que o operador ofereça o serviço ao cliente da mesma forma.

Decorridos 12 dias, informa a PT que não tenho razão e que não tenho dinheiro ao valor reportado uma vez que a avaria ficou resolvida dentro dos prazos previstos, acrescenta ainda que os tarifários das chamadas são regulados pela ANACOM!!!

Esta resposta não faz qualquer sentido, uma vez que o problema não se prende com os tempos de resolução, nem com quem regula ou não as chamadas, mas sim com a impossibilidade de reportar a avaria a partir do meu telefone PT onde aí sim não teria qualquer custo para mim! Não tendo serviço não me resta outra alternativa se não reporta-la a partir de outro ISP que esteja ao meu alcance.

Adianta-se ainda que todo este problema foi criado pelos técnicos da PT, onde tudo teve início numa intervenção a um inclino do edifício (Piso 0), onde nesta intervenção fui eu vítima do mau serviço dos técnicos que trocaram a minha fibra de porto, mais tarde, outra equipa na tentativa de resolução do meu problema mas sem sucesso, os técnicos partiram a fibra do inclino do 3º piso, onde este ficou também sem serviço vários dias…uma autêntica vergonha, estes senhores nem se dignam a analisar as questões reportadas, pois se tal acontecesse iriam aperceber-se das variadas situações adversas em datas idênticas no mesmo edifício…! Mais parece um filme, mas infelizmente é verdade e demonstra a má prestação desta instituição no mercado das telecomunicações.

Torno esta situação publica para dar a conhecer o mau serviço e funcionamento prestado por esta entidade que não respeita, burla e engana os seus clientes. Esta instituição actualmente nem dispõe de formas alternativas à reclamação, uma vez que os poucos acessos que tinha não se encontram operacionais, o email que existia (16200@telecom.pt) foi encerrado, a submissão dos pedidos via PTCliente não funciona. Deixo exemplos claros e evidentes destas situações:

Email:
http://img262.imageshack.us/img262/9204/erroemail.png

Plataforma PTCliente:
http://img442.imageshack.us/img442/8631/erroptcliente.png

Estas situações quando reportadas telefonicamente são negadas pelos colaboradores – supervisores, afirmando que tudo se encontra operacional.

Estes exemplos representam a burla continuada por parte desta instituição.

Será enviada reclamação detalhada para o Provedor do Cliente, Anacom e Deco relatando os abusos evidentes desta reclamação entre outros.

Não vou desistir do valor a que tenho direito, pois não me cabe a mim suportar despesas que dizem respeito ao prestador de serviços – PT Comunicações. Como cliente conheço os meus deveres e direitos e este não me cabe a mim suportar.

Sem mais de momento,

Bruno Ferreira.

Telefonemas publicitários Portugal Telecom

A Portugal Telecom ligou-me por 38 VEZES (TRINTA E OITO) nas últimas três semanas, para fins publicitários.

Isto após eu ter dito expressamente que não queria que me voltassem a ligar e ter dado ordem para que retirassem o meu número do sistema.

Esta perseguição perturba bastante, pois tenho recebido vários telefonemas por dia quando estou ocupado no meu emprego, ou a descansar em casa.

Esta situação já sucedeu por outras vezes em meses anteriores.

Não encontro nenhuma explicação para esta situação além da prepotência, arrogância e falta de respeito duma empresa à qual nunca mais irei comprar nada.

MEO – Redução de serviço conduz a desistencia

Boa tarde, no dia 21 Setembro de 2010 foi-me instalado o serviço MEO Surf 20, satisfazendo deste modo a PT o meu desejo de ter um pacote aliciante de canais entre os quais alguns em HD, e uma velocidade de internet satisfatoria (a rondar os 10MB/s).

Nesse dia o serviço que subscrevi foi instalado e ficou a funcionar em pleno.

Dia 18 de Fevereiro deste ano começaram os problemas:

– desligaram-me pura e simplesmente o sinal (nem TV nem Net) sem qualquer tipo de informação;

– contactei inumeras vezes o apoio ao cliente e no dia 20 FEV domingo, o tecnico foi lá casa e apos varias viagens para trás e para a frente, repôs o serviço inicial (SURF 20) informando-me que alguem menos ético teria utilizado a minha ligação para outro efeito. Certo é que a situação ficou reposta;

– passados 4 ou 5 dias, cortaram-me novamente o sinal, e aí, já após novos contactos e visita de um outro tecnico (curiosamente o tecnico da instalação inicial – que me garantiu ter uma ligação na casa dos 12 Mb/s), fui informado que “o cabo estava partido” a 5m da entrada no prédio, e que mesmo após intervenção da equipa de cabos, nunca iria a linha “recuperar da quebra“, e que ficaria irremediávelmente afectada em 4 mb/s) ou seja, após várias tentativas para que me fosse “devolvida” a linha inicial, e reposto o serviço MEO – SURF 20 no qual me teria fidelizado, fui informado que não seria possivel fornecerem além de 8Mb/s;

– isto resultou na perda dos Canais em HD e, tendo as duas Boxes ligadas, numa velocidade medíocre de internet (cerca de 1,5Mb/s);

– posto isto (e estando os Senhores da PT perfeitamente conhecedores dos meus argumentos através de inumeras cartas e fax que enviei relativamente a este processo) e numa atitude arrogante e prepotente, apresentam-me como solução a redução do Pacote para um plano inferior, repor a situação inicial é que já não seria possivel (vá-se lá saber quem ficou com a minha linha);
queixas meo

Mal comparado, é a mesma coisa que eu fazer um leasing a dois anos de uma determinada viatura desportiva (que até correspondia às minhas pretenções) e passados dois meses me tiram o carro e me colocam um automovel muito inferior ao inicial, e no fim me dizem: “não se preocupe! nós baixamos o preço!!”

Pois, se eu contratei 2 anos por um determinado serviço e o Fornecedor não cumpriu, vi-me obrigado a dirigir-me a uma loja PT (Dolce Vita Tejo) no dia 1 de Março de 2011 afim de devolver todo o equipamento, explicando a situação.

O funcionário compreendeu os meus motivos, e deu-me razão, e nem sequer falou da questão da fidelização. Supostamente estaria resolvida esta situação.

Não posso aceitar que me tenham entretanto enviado uma factura de 750,00 EUROS referentes a indemnização pelo periodo de fidelização, o qual não me vejo obrigado a respeitar, por incumprimento/ruptura de fornecimento do serviço inicial, argumentando a PT que é alheia aos factos.

Pois se a PT é alheia, pergunto: quem é que é responsável pela troca de linha; pela perda de velocidade de sinal, pela deterioração do serviço inicial (SURF 20 que se tornou num BODY BOARD 5)?????

A imagem e sensação que tenho e que fiquei é esta: Angariam o cliente com o pacote que ele quer, passados 5 meses baixam a qualidade, e querem obrigar o cliente a permanecer mal servido! Senão toma lá 750 euros (para pagar claro!!)

Esclareçam-me pff!!! Quero ver esta situação definitivamente resolvida.

Eu não contratei a PT para depois passados 5 meses desistir do serviço, até fiquei bastante satisfeito inicialmente, mas não me podem obrigar a pagar menos, ou seja, reduzir o pacote, quando o que eu quis foi pagar mais por melhor! Tenho que reclamar!!! E vou reclamar, porque isto é inadmissivel, e a atitude da PT é arrogante, e não se preocupam minimamente com a satisfação do cliente, mas sim nas questões “pseudo-contratuais“.

Encontro-me ao dispor para fornecer toda a correspondencia enviada à PT, bem como dos extratos telefonicos que comprovam as inumeras diligencias que fiz no sentido da PT me repor a situação inicial!

Obrigado.

Sapo Fibra

Sapo Fibra

PT Comunicações alega incompatibilidade do serviço depois de o instalar mas vai adiando problema.

Em meados Janeiro 2010 contactei a PT no sentido de reduzir custos das comunicações porque estávamos a pagar muito, tínhamos um sistema de linha RDIS.

Através da linha de apoio clientes tive a proposta para mudar para o sistema Sapo Fibra com chamadas ilimitadas para a rede fixa grátis e com Internet 100Mb,e que após esta instalação faziam a migração do numero existente para este novo serviço,

Mas tudo começou no dia em que foi feita a instalação do serviço SAPO Fibra que foi no dia 28-01-2010, quando liguei para a mesma linha para pedir então para migrar o nosso numero para o referido Sapo Fibra, para meu espanto a informação após varias transferências de chamadas e operadores foi que não poderia ser porque o serviço não é compatível o mesmo que a uns dias atrás quando activaram o serviço iria funcionar agora depois de instalado já não poderia ser, pedi para retirarem o serviço visto não me servir, então iniciaram um processo reclamação e pediram para aguardar alguns dias que me iriam contactar, contacto esse que nunca aconteceu apenas recebi varias cartas a informar que o serviço não é compatível.

Decorridos quatro meses e com tanta reclamação feita tive de dar um fim a este assunto fui a loja e desta foi me proposto ficar cerca de 8 a 10 dias sem telefone para poderem fazer a migração do numero eu não concordei porque se trata de um numero de uma empresa e que os clientes ao nos contactarem seria como se o numero não existisse.

Não tendo outra alternativa contactei outra operadora e referi as minhas necessidades e os serviços que tinha, contratei então esta outra operadora que me passou os números, ficamos privados de telefone cerca de 1 hora ou nem tanto demos baixa dos serviços que tínhamos com a P.T porque enquanto este situação durou tivemos uma linha RDIS +ADSL Internet + Sapo Fibra, hora vejamos conforme iniciei esta reclamação referi que contactamos a P.T par reduzir custo nas comunicações mas afinal não foi isto que aconteceu porque já estávamos com serviços duplicados e que não utilizávamos a isto só se pode chamar aumentar custos.

Quando é feito um contrato por telefone estes contactos em geral perguntam se podem gravar este deve ter sido o caso porque eu sempre autorizo por isso acho que devem ir ouvir o que me foi dito desta forma certamente encontram a resposta.

Tendo recebido varias cartas com facturas referentes ao serviço Sapo que não paguei, de todas as vezes fiz reclamação porque me estavam a pedir para pagar uma coisa que estava errada.

sapo fibra

No dia 30-12-2010 emitiram uma factura com a seguinte descrição penalização Sapo Fibra valor a pagar 260,78€ + facturas serviço dos tais quatro meses 126,51€ num total 387,29€.

Agora quase um ano depois de recebo uma INJUNÇAO para pagar 260,78€ referente a penalização Sapo Fibra quanto ao valor das mensalidades deve vir depois, Isto é surreal.

Não me considero devedor desta divida porque quem não cumpriu com contrato foi a P.T Comunicações.

meo cobra descontos efectuados no 2º ano de serviço

meo cobra descontos efectuados no 2º ano de serviço

Sobre a factura do mês de Dezembro 2010, está-me a ser debitado um “desconto de mensalidade meo”, acrescendo à minha factura um valor de 5,4€. Em primeiro lugar se é um desconto deveria ser creditado.

Durante o ano de 2010 usufrui de um desconto promocional que foi creditado sobre o valor tabelado a pagar pelo serviço.

Como é compreensível esse desconto promocional terminou e a não ter lugar, não faz qualquer sentido ser debitado, porque o valor da mensalidade do serviço está efectivamente expresso e tabelado tal como é cobrado (48,99€ de acordo com o novo tarifário em vigor, anunciado em Dezembro de 2010).

Desta forma é de todo incompreensível que me estejam a cobrar um desconto que deixaram de o fazer, e que agora, para além de não o fazerem ainda o acrescem ao valor a pagar tabelado.

Isto é um completo absurdo. Mas afinal para que servem os preços tabelados??

queixas meo