Reclamação da AREA NorteShopping

Queria apenas referir que a minha mãe teve também um problema com esta loja e que acho inadmissível que os funcionários e os superiores desta loja continuem a gozar com a cara das pessoas.

Ora, a minha mãe encomendou um sofá na loja Area de Matosinhos (Norteshopping) porque não havia em stock na loja. Quando foram entregar o sofá à nossa casa (um apartamento), não estavam a conseguir entrar pela porta.

Então, sem avisar nenhum dos compradores (os meus pais), retiraram a embalagem do sofá e começaram a desmontar o sofá no meio do passeio onde , perdoem-me a referência, cães e gatos fazem as suas necessidades todos os dias. Após terem retirado as almofadas do sofá colocaram-nas no chão do elevador para subir até ao 4ºandar.

Almofadas que não podem ser lavadas, onde as pessoas se vão sentar, foram colocadas no chão. Deitaram o sofá no chão do passeio e não conseguiram passá-lo pela porta. Pelo que colocaram o sofá sem protecção dentro da carrinha para levá-lo novamente para a loja.

Tanto a minha mãe como o meu pai assistiram a isto da janela e, se o meu pai não se tivesse dirigido aos funcionários que foram levar o sofá, ninguém tinha prestado qualquer justificação.

Tendo em conta que o sofá não entra no prédio, a minha mãe questionou o gerente da loja se poderia trocar o sofá por um mais pequeno e reaver o resto da quantia para usar na loja.

O gerente disse que isso não era possível porque não trocavam móveis.

Então, a minha mãe, exigiu um sofá novo que viesse devidamente embalado. E eles responderam que não iam fazer isso porque no ponto de vista deles o sofá não estava sujo.

A minha mãe ligou para o apoio ao cliente e a única coisa que a funcionária fez, depois de a minha mãe explicar diversas vezes o seu ponto de vista foi repetir mecanicamente a mesma frase: “Não encontrámos nada de anormal no sofá, pelo que não vamos devolvê-lo, nem trocá-lo.”

Acho inadmissível que em época de crise, quando todos as lojas se esforçam por agradar ao cliente e atrair novos clientes, exista uma loja como esta que goza com a cara dos clientes.

Vamos tentar contactar a DECO e o CIAC. Caso não haja uma resposta, vamos avançar judicialmente.

Na minha opinião, todos estes casos deveriam ser levados para a TELEVISÃO e mostrar a vergonha em que esta loja se está a tornar.

Twitter Digg Delicious Stumbleupon Technorati Facebook


Deixa um comentário