ENDESA Portugal

Mudei para a ENDESA prestadora de serviços de electricidade e durante a vigência do contracto tudo estava a decorrer na normalidade.

Com a alteração do iva em Outubro eles (ladroes) mudaram o contracto de Tarifa Bi-Horaria e facturação mensal em que:

A Facturação passou a ser de duas facturas por mês com um mês de intervalo e Tarifa Simples.

Como Proceder?

ENDESA

Há cerca de 1 ano e meio atrás mudei da EDP Universal para a ENDESA, uma vez que ofereciam 5% de desconto na factura.

Desde logo me apercebi que, apesar do desconto de 5%, as facturas que me iam chegando eram de um valor mais elevado, do que quando tinha contrato com a EDP.

Para piorar a situação as facturas nunca eram cobradas na mesma altura do mês, tendo chegado a ser cobradas 2 facturas na mesma semana. Apesar da situação, permaneci na ENDESA, uma vez que tinha contrato de permanência de 1 ano.

Há 15 dias atrás e uma vez que o período de permanência tinha terminado, decidi voltar à EDP.

A semana passada chegou a última factura da ENDESA onde era apresentado um valor exorbitante. Descontente com a situação contactei a empresa, para que me explicassem o valor que me era apresentado.

Fui então informada que era devido à diferença entre a leitura estimada e a real, pelo que refutei, uma vez que é OBRIGATÓRIO fazerem leituras de 3 em 3 meses e seria impossível eu gastar um valor tão elevado, num tão curto espaço de tempo.

Confrontados com a situação, informaram-me que já não faziam leituras desde Julho de 2010, ou seja há 1 ano e 3 meses.

Perante esta situação informei a operadora que iria anular o débito directo e que aguardaria que me contactassem, tendo dito que pagaria o valor gasto no período da factura e acertos dos últimos 3 meses. Estou a aguardar resposta.