Norauto Aveiro

No dia 9/03/2011 dirigi-me norauto para trocar os calos de travo da viatura da empresa. Os mesmos foram trocados pagando pelos mesmos cerca de 115 euros. Foi-me cobrado tambm 15 euros de um diagnstico de travagem. At aqui tudo bem. Todavia, desde a montagem at hoje a viatura ao travar faz uma chiadeira estupida, pelo que me dirigi a uma oficina da marca da viatura que me informou que os discos se encontram empenados e que em situao alguma se aplicam calos de travo sem verificar o estado dos discos. Desta forma, nessa oficina da marca aconselharam-me a trocar os discos e a colocar novas pastilhas de travo.

A reclamao que fao :

1. Porque no verificaram o estado dos discos de travo antes de colocar os calos?

2. Se cobram um diagnstico de travagem no valor de 15 euros, porque no verificaram que algo no estava bem?

Parece-me de todo que existe alguma culpa da Norauto em Aveiro nesta situao em que saio lesado no valor de uns calos novos de travo que terei que colocar novamente!
Norauto
Esta reclamao diz respeito factura n. 2011030027 da Norauto Aveiro.

Os melhores cumprimentos

Paulo Vilarinho

NORAUTO Almada

No dia 20 de Novembro de 2010 dirigi-me loja Norauto de Almada e comprei uma cobertura de volante Matrix (263542), infelizmente a capa no servia, pedi que devolvessem o dinheiro visto no terem outra que servisse no veiculo, recusaram pois s fazem notas de crdito, acho inaceitvel a norauto ser dona do meu dinheiro, se no tem o produto para substituir ou que no v ao encontro do cliente deve ser restitudo o mesmo valor.

O pior ainda que a nota de crdito tem um prazo de 3 meses se o cliente no comprar nada eles automaticamente ficam com o dinheiro como j me aconteceu anteriormente ficaram com o produto e com os meus 24,90 do valor das mesmas por ter passado o prazo, ora acho que isto um roubo ficam com o produto e com o dinheiro do cliente?!

Para onde que vai esse dinheiro?! Como que fazem em termos de contabilidade?! Que raio de lei esta?! Tenho que comprar coisas que no preciso porque se no perco o meu dinheiro.