Zon IRIS = telefone Off

Sendo ja cliente da zon tV + Net + phone em 22 Janeiro de 2011 aderi à Íris e  28 de Fevereiro de 2011 continuo sem telefone e sem fim à vista para a resolução da situação após diversos contactos com a linha de apoio ao cliente e mais de 150 euros em chamadas, não consigo obter reposta nem solução para a situação

Por isso deixo aqui um ultimo comentário para futuros clientes zon

É este tipo de atendimento que pretendem de um fornecedor se não escolhem outro por este está off e não como dizem nos anúncios

meo cobra descontos efectuados no 2º ano de serviço

Sobre a factura do mês de Dezembro 2010, está-me a ser debitado um “desconto de mensalidade meo”, acrescendo à minha factura um valor de 5,4€. Em primeiro lugar se é um desconto deveria ser creditado.

Durante o ano de 2010 usufrui de um desconto promocional que foi creditado sobre o valor tabelado a pagar pelo serviço.

Como é compreensível esse desconto promocional terminou e a não ter lugar, não faz qualquer sentido ser debitado, porque o valor da mensalidade do serviço está efectivamente expresso e tabelado tal como é cobrado (48,99€ de acordo com o novo tarifário em vigor, anunciado em Dezembro de 2010).

Desta forma é de todo incompreensível que me estejam a cobrar um desconto que deixaram de o fazer, e que agora, para além de não o fazerem ainda o acrescem ao valor a pagar tabelado.

Isto é um completo absurdo. Mas afinal para que servem os preços tabelados??

queixas meo

Loja Online da TMN

Equipamento comprado no site da tmn por 200 euros com possibilidade de devolução em 30 dias caso não ficasse satisfeito.

Devolução efectuada, 8 meses passados, cerca de 20 telefonemas e cartas depois, continuo sem ver a devolução.

Já por 4 vezes ligaram da tmn a dizer que iam fazer a transferência.

CTT Expresso – Como se rouba o cliente

Há dias enviaram-me uma pequena encomenda de Lisboa para a Marinha Grande.
Pedi que ma enviassem por CTT Expresso porque era urgente e queria que ma entregassem na minha morada.
No dia seguinte tinha um aviso na caixa do correio, que está situada no átrio do prédio, isto é, já dentro do prédio.
Fui levantar a encomenda à estação dos correios e reclamei por escrito.

Cinco dias depois telefonaram-me.
O estafeta dizia que tinha tocado à campainha da rua e ninguém tinha respondido. Então entrou no prédio e colocou o aviso.
Curiosamente naquele dia e àquela hora estavam quarto pessoas em casa.

Fiquei a saber que o estafeta só tinha obrigação de tocar à campainha do exterior e só depois de eu lhe responder e me identificar (não sei como é possível uma identificação pelo intercomunicador) é que ele subiria ao andar referenciado como o do destinatário.

Estranha forma de entender uma “entrega ao domicílio” (ou na morada) !!!

A morada, para qualquer cidadão, incluí, entre outras coisas, o nome da rua, o número de polícia do prédio e o andar.

Para os CTT Expresso de Leiria o andar não conta !!!
Mas o cliente paga !!!
Paga antecipadamente um serviço que não lhe é prestado.
Sinto-me completamente burlado e vítima de um roubo.

Denúncia de contrato com a PT

Exmos. Srs.
No passado dia 18 de Junho de 2010, aderi ao serviço MEO TOTAL 10 da PT.

Logo nas primeiras semanas começaram a surgir problemas técnicos com este serviço ( tv-internet-telefone) os quais foram sendo comunicados á PT através do seu número de apoio ao cliente.

Foram feitas afinações pontuais pela assistência remota e também pela presença fisica de alguns técnicos em minha casa. Nada foi resolvido, o mau serviço manteve-se até que resolvi no passado dia 20 de Outubro, enviar um fax á PT informando que não queria continuar a perpectuar esta situação de estar a pagar um serviço que não me estava a ser devidamente fornecido.

Fui posteriormente contactado pela PT, e voltei a referir as razões porque queria denunciar o contrato. Disseram-me que o gabinete competente iria estudar o assunto! Há 3 dias atrás enviaram-me uma factura para eu pagar no valor de 211 euros, dizendo que não aceitavam os meus argumentos,como justificação para a rescisão do contrato.

O que devo fazer ?

Muito obrigado.

António Rodrigues

Serviço MEO PT-instalação

Serviço MEO PT

Exmos. Srs.,

Sou cliente do serviço MEO da PT com o número de instalação 20105169137,a qual estava marcada para dia 11/12/2010 entre as 9:30 e as 10:30.

A Instalação confirmada ontem, dia 10/12/2010, através de contacto telefónico desde o número 800208344 às 14:25 e confirmada posteriormente via SMS às 15:11.

É imcompreensível que depois de todas estas confirmações:

1) por volta das 10:30 não tenha chegado ninguém;
2) Tenha ligado pelas 10:35 para o número 800208344 e tenha sido informado que a instalação estava marcada para as 14:00
3) Tenha solicitado falar com o supervisor -indicando-me tratar-se do Sr. Roberto Teixeira- tendo este Sr dado a informação que no “sistema” a hora indicada seria às 14h, duvidando da veracidade do contactado pelo número 800208344
5) Tenha eu sido impossibilitado de acompanhar os meus filhos a uma ante-estreia de um filme
6) Tenha desmarcado outros compromissos igualmente importantes

Não me parece ser a melhor forma de tratar um novo cliente, sendo que este escolheu um novo serviço por estar descontente com o que tinha anteriormente, nem me parece
uma boa maneira de iniciar um contrato de 24 meses.

Agradeço que, face ao exposto, a situação seja devidamente esclarecida por parte da MEO.

Melhores cumprimentos,

Jorge Cerqueira da Motta

INSYS 8748S(T4300,500HD) TT31039

Boa tarde

No seguimento de uma avaria reportada por mim por e-mail para o suporte.eescolas@inforlandia.pt na quarta-feira, 3 de Março de 2010 22:16 e onde indico na descrição da avaria em que possivelmente o flatcable que liga o monitor (LCD) do portátil está com problemas, inclusive essa informação foi numa folha em cima do teclado do portátil.

Essa informação foi completamente ignorada pelos vossos serviços de reparação, tendo sido dada a avaria como não confirmada TK_224820 onde foram cobrados €30.

A 10-10-2010 onde a situação já estava incomportável volto a requisitar a assistência da Inforlandia para o mesmo problema anteriormente reportado apenas diferindo no nome já que a assistência usa o termo técnico NB LCD Wire Cable M746/85, (O nome depende da marca) friso que no dia em que o portátil foi entregue gravei um filme onde é visível a avaria reportada e que na altura converti para mp4 e enviei para a assistência onde voltei a ser ignorado.

Após a recolha na terça, 23-11-2010 15:11 recebo um e-mail no qual indica que um dos hologramas estava danificado, estranhei apesar de não ser eu Carlos Leal o utilizador do portátil mas sim o minha filha Bárbara de 13 anos, que não iria abrir o portátil para remover ou alterar componentes de hardware. Se o holograma estava danificado é do uso em cima dos joelhos o que acho difícil e de certeza o portátil nunca foi aberto como a Inforlandia se não agisse de má-fé poderia facilmente comprovar.

Na proposta de orçamento recepcionada por mim hoje dia 02-12-2010 e no qual a Inforlandia diagnostica a avaria anteriormente reportada por mim só que agora com o custo de material €41,32 e €28,92 de taxa de manuseamento.

Após estes factos sou obrigado a duvidar dos procedimentos rigorosos tão apregoados nos e-mails anteriormente trocados e que me levam a pensar num estratagema da Inforlandia para fugir das suas responsabilidades, subentenda-se a garantia do equipamento.

O meu desagrado é enorme, não só por ter enviado o equipamento para reparação da primeira vez não terem reparado tendo sido cobrado o manuseamento e da segunda vez por estarem a cobrar por uma avaria que deveriam ter sido diagnosticada e reparada da primeira vez em que o equipamento esteve na assistência, sou funcionária da Tecnidata com a categoria de técnico de informática, presto assistência ao parque informático da ZON, trabalho com diversas marcas de computadores e realmente a Inforlandia suplanta largamente aquela que é a mais “pobre”.

Aguardo deferimento.

Atenciosamente.

Carlos Leal

Queixa – TMN localizz

Queria saber o estado de desactivação de um serviço que pedi no dia 10 de Novembro. O serviço em questão é o localizz. E pela décima vez vou ter de explicar tudo novamente.

– Em Outubro perdi o telemóvel, e o cartão, e subscrevi o vosso serviço localizz para o tentar localizar.
– Durante a primeira semana, em que o serviço é gratuito, utilizei a sua função de agendamento.
– O telemóvel não tinha rede, ou bateria, razão pela qual eu não necessitava mais do serviço.
– Pedi uma segunda via do cartão e, no dia 28 de Outubro, enviei-vos um e-mail a perguntar como desactivar o serviço localizz.
– Disseram-me que podia ser feito através de carta ou numa loja.
– Fui a uma loja, disseram-me que não o podiam fazer, que tinha que ser por telefone.
– Telefonei, o operador informou-me que não tinha permissão para desligar esse serviço, que tinha que ser por carta.
– Enviei a carta, com os documentos necessários no dia 10 de Novembro.
– Nessa altura já tinha a segunda via, com o serviço localizz activado.
– A partir do dia 10 de Novembro começo a ficar com saldo negativo, mesmo quando não efectuava nenhuma chamada paga.
– Aderi ao vosso serviço de facturação e descobri que, a partir do dia 10 de Novembro, o serviço localizz começou a fazer agendamentos de 5 em 5 minutos, todos os dias, e a cobrar 15 cêntimos por cada posicionamento.
-Cada carregamento que efectuei a partir dessa data era imediatamente consumido pelo serviço localizz, ficando com o saldo negativo.

NOTA: Eu nunca fiz qualquer agendamento do serviço localizz para Novembro, só o utilizei na primeira semana de Outubro. O serviço coloca-me em pontos onde eu NUNCA estive.

– Contactei os vossos serviços, por mail e por telefone, e foi-me garantida a resolução rápida e a devolução de todo o saldo consumido pelo serviço localizz.
– Finalmente, os vossos serviços técnicos telefonam, garantem que o serviço vai permanecer activo até Dezembro mas que não irá consumir mais saldo e, também, devolveram o saldo (35€).
– No dia seguinte, o serviço localizz, que ainda está em funcionamento, tinha consumido os 35€ e o saldo estava novamente negativo.
– Ontem, em vez de desligarem o serviço, transferiram-me 5€. Não será preciso dizer o que aconteceu pois não? Em menos de uma hora já tinha o saldo negativo.

Resumindo:

DEZASSETE DIAS à espera que desliguem um serviço

DEZASSETE DIAS com saldo negativo

DEZASSETE DIAS sem poder efectuar qualquer tipo de comunicações

Burla vendedor Meo

Boa tarde,

venho por este meio relatar o que aconteceu com uma tia minha, a qual é reformada e como não poderia deixar de ser marca da geração dela, pouca instrução escolar.

Ela é cliente zon para o serviço tv e serviço Internet e cliente optimus home para serviço telefónico.

Em meados de Outubro, foi visitada por um vendedor meo chamado João Machado cujo o contacto telefónico divulgo a quem o pedir, que prometeu rescindir contracto com a zon e com a optimus, em caso de ela assinar um novo contracto meo em que subscrevia telefone Internet e televisão.

Assinou contracto meo. E os contractos com a optimus e com a zon não forem rescindidos.

Contactou a pt (meo), expôs a situação de burla por parte do vendedor deles, a qual foi reencaminhada para o departamento comercial. Departamento comercial que a contactou e disse que não podiam fazer nada.

Agora pergunto, se alguém me pode ajudar a resolver esta situação visto ser perceptível que não é possível alguém no seu perfeito juízo solicitar 3 contractos para o mesmo serviço. Muito menos pagar aproximadamente 90 euros por mês.